Infográfico: 6 maneiras de se tornar uma pessoa mais confiante
Diana Morgado | setembro 21, 2015

Confiança. Será que nascemos com ela? Ou será que é necessário aprender e construir ao longo do tempo? Podemos construí-la sim, mas é necessário se jogar para fora da grande zona de conforto e dar espaço a confiança. É importante deixar de lado o medo de falhar, o que pode atrapalhar bastante em situações diárias no ambiente profissional, quanto na vida pessoal.

Mas a boa notícia: nunca é tarde demais para começar! Sem muitos clichês e autoajudas já conhecidos, é necessário aceitar que é sim possível acordar e se sentir capaz de conquistar algo que tem vontade a muito tempo. E sim, isso fará uma grande diferença na sua vida!
Trouxemos para vocês um infográfico que irá guiá-lo por seis tópicos de como você pode começar a ser mais confiante – focado na vida profissional.

1. Se expressar é necessário!

Quando você está em uma reunião ou mesmo com seus colegas de trabalho, é importante expressar sua opinião. Algumas vezes você pode se enganar pensando que sua ideia não é válida, mas no fim poderá ser extremamente construtiva. Não tenha medo de ter atenção dos outros quando há algo importante a ser exposto.

2. Dê foco ao que você sabe fazer de melhor

Sim, nós todos temos aquelas atividades preferidas, matérias na escola que somos melhores e que fazemos com mais naturalidade que outras, por exemplo. Dê foco a elas, ter prazer de fazer algo sempre será uma carta na manga para desenvolver com maestria alguma atividade. E esses são seus pontos fortes!

Lembre-se disso quando estiver em alguma entrevista e perguntarem “Qual o seu ponto forte?” Uma das perguntas mais básicas que muitos acabam se enrolando ao responder, pois não querem ser “exibidos”.

E essa é a hora de trazer a autoconfiança: escreva numa folha seus pontos fortes e trabalhe de forma que você possa potencializá-los. Isso pode ser feito junto com seu gerente ou chefe que trabalhe diretamente com você, assim você terá alguém que te conhece para dar o feedback necessário.

3. Monitore seus resultados

Hoje em dia é bem mais fácil fazer listas de afazeres. Você pode escolher a boa e velha caderneta e anotar o que precisa ser feito ao longo do dia ou pode utilizar seu smartphone com um bom App de listas “to-do”. Com isso, você poderá ver de forma mais clara o que consegue finalizar com mais facilidade e monitorar de maneira simples o seu desenvolvimento.

4. Perca a timidez

Não que seja um problema ser tímido, mas a vergonha não deve afetar na relação com colegas do trabalho ou seu chefe. É importante fazer networking, conversar na hora do cafezinho, se inteirar sobre o ambiente de trabalho. Isso ajuda na presença com os colegas do trabalho e, além de até ganhar um ou outro bom amigo, ajuda a construir sua autoconfiança dentro da empresa na hora de se expressar.

5. Saia da zona de conforto

Sair da zona de conforto: fácil de se falar, porém algumas vezes difícil de sair. Conforto é aquilo que estamos acostumados, que algumas vezes fazemos porque sempre fizemos e não sabemos como mudar isso. Mas é importante analisar de perto quando você estiver acomodado em algo e não quiser sair de lá por medo de falhar.

Conforme comentado no início, não deixe esse medo te levar para a zona de conforto. Sair dela é um ótimo exercício para a autoconfiança: se desafiar, tentar fazer o novo ou de novo, evoluir em algo ou aprender algo novo.

6. Aprenda e coloque em ação

Sim, lembre-se de treinar todos esses aspectos – melhorar sua autoconfiança é um processo a ser aprendido e pode ser melhorado todo dia.

Comece agora!

A autoconfiança é o primeiro requisito para grandes empreendimentos – S. Johnson

infográfico sobre plano de negócios
Diana Morgado
Sobre o autor: Diana lidera o time de internacionalização do SmartBusinessPlan, a ferramenta que ajuda no sucesso de todos e em qualquer lugar do mundo. Dê uma olhada e teste agora seu plano de negócios.

Artigos relacionados

Que tal começar a escrever seu Plano de Negócios?
Teste SmartBusinessPlan hoje, grátis! Isso mesmo, sem custos.