Empreendendo: Como abrir o seu próprio salão de beleza
Diana Morgado | setembro 30, 2016

O segmento de cuidados pessoais é um dos que mais cresce no Brasil. Por isso, se você já tem experiência nessa área e gostaria de dar vida ao seu próprio negócio, é bom ficar ligado em algumas questões-chave para aumentar suas chances de sucesso.

Essas questões não são apenas sobre como montar um salão de beleza, mas como estruturar todos os detalhes necessários para essa operação. Como qualquer boa ideia de negócio, o estudo do mercado e planejamento de um salão de beleza são as primeiras etapas para um negócio de sucesso.

Para quem deseja saber como empreender e abrir um salão de beleza precisa ter em mente que o envolvimento pessoal é essencial, por se tratar de uma área de atendimento direto ao cliente. Um salão de beleza precisa oferecer um ambiente agradável, bem iluminado, limpo, aconchegante e com um serviço impecável.

O salão de beleza

Estilo:

O interior do salão possui um impacto enorme na percepção do cliente em relação ao estilo do lugar, limpeza e bem-estar. Quanto à estrutura, um dos primeiros detalhes para prestar uma atenção especial é a iluminação. Uma boa iluminação é essencial para o ambiente de um salão de beleza, pois você estará trabalhando com a imagem das pessoas. Um local bem iluminado será extremamente positivo quando seus clientes estiverem vendo o resultado do seu trabalho.

Outro ponto a ser considerado é o fato de que clientes de salão de beleza, principalmente o público feminino, ficam horas a fio dentro do salão. Então, o conforto para a cliente é essencial. Poltronas, sofás, revistas e televisão não podem faltar. Além disso, os móveis darão todo o estilo para o local.

Profissionalismo:

  • Uniformes não são obrigatórios. Se escolher por ter uniformes ou aventais, é interessante personalizá-los com a marca do salão de beleza.
  • Investir na seleção e treinamento dos funcionários, principalmente na parte de atendimento ao cliente, pois será o primeiro e último contato com o cliente.
  • Se esforce ao máximo para cumprir todos os horários agendados.
  • Invista no marketing e fidelização de cliente.

Lembre-se: todos o esforço com higiene, treinamento de funcionários e layout do salão serão recompensados. Um cliente satisfeito não arriscará seu look em outro salão de beleza. É todo um extenso processo de construção de confiança do cliente.

Custos do salão de beleza:

Esses custos podem ser altos, dependendo do quanto o empreendedor quer proporcionar ao cliente. Para cobrir todos os requerimentos acima é necessário um bom investimento. O investimento para montar um salão de beleza irá variar de acordo com a quantidade de serviços oferecidos, a quantidade de pessoas a serem atendidas e o padrão de conforto das instalações.

Considere:

  1. É possível se manter financeiramente no início do negócio? Calcule quanto capital você precisa para as despesas mensais, quanto você tem na poupança e quanto você deve gerar a cada mês.
  2. Comece com um orçamento operacional. Calcule quanto capital você vai precisar, incluindo aluguel, licenciamento, treinamento, folha de pagamento, suprimentos, telefone/luz/internet e um plano de emergência (~5-10% do valor total).
  3. Descubra o quanto você cobrará pelos serviços. Calcule quais serviços (tais como cortes de cabelo, tintura, manicures, etc.) que você poderá fazer em uma semana e quanto custarão. Isso ajudará a descobrir a média do seu lucro.

Dica:

Lembre-se: todos esses custos podem ser planejados detalhadamente com um bom Plano de Negócios.

Diana Morgado
Sobre o autor: Diana lidera o time de internacionalização do SmartBusinessPlan, a ferramenta que ajuda no sucesso de todos e em qualquer lugar do mundo. Dê uma olhada e teste agora seu plano de negócios.

Artigos relacionados

Que tal começar a escrever seu Plano de Negócios?
Teste SmartBusinessPlan hoje, grátis! Isso mesmo, sem custos.